«

set 16

Imprimir Post

Comissão Nacional dos Santuários realiza visita ao Piauí

A comissão celebrou novenas no Santuário de Teresina Piauí.

Ano passado(2016)  a Congregação do Santíssimo Redentor  celebrou  no mundo inteiro a devoção a Nossa Senhora  do Perpetuo Socorro.  Devido a esta ação foram realizadas celebrações em várias partes do mundo.  No Brasil que, país que mais tem novenas no mundo, foi montada uma comissão que têm dinamizado  os santuários  do Perpétuo Socorro pelo Brasil.

Segundo o coordenador pe. Dirson Gonçalves  ano passado a equipe esteve em Belém, e este ano realiza a visita em Teresina, onde ficam até quinta-feira, a fim de dialogarem sobre as novenas e perspectivas.   “ Não deixamos perder a  dinâmica de se encontrar todos os anos, onde todos os reitores para a troca de experiência, para saber como a devoção está crescendo em todos os santuários”, disse.

Estavam presentes: Pe. Dirson Gonçalves (Campo Grande), Pe. João Otávio Martins (Goiânia), Pe. Celso Vieira da Cruz (Curitiba), Pe. Marcio Halmenschlager (Belém. Reitor), Pe. Ronaldo Mendonça (Manaus), Pe. Inácio Raposo (Manaus), Pe. José do Carmo Zambom (Campos dos Goytacazes), Pe. Ademir Gonçalves (São João da Boa Vista), Pe. José Grzywacz (Salvador), Pe. Carlos Alberto Holanda Martins (Teresina).

O coordenador  da comissão explica que a maior novena do Brasil é realizada em Belém, com 40 mil pessoas toda terça-feira. Curitiba tem 17 sessões, Campo Grande tem 18 novenas, depois Goiânia, Fortaleza, Recife, Manaus e Teresina.   “ É uma devoção que está em vários pontos do Brasil , e percebemos a cada encontro o crescimento”.

As novenas pelo Brasil mantém a mesma característica, a forte expressão popular, onde  as pessoas  se sentem livres para expressar sua fé. Elas rezam, choram cantam, e as orações são feitas pelas mesmas pessoas. “ Em Teresina foi lindo ver as pessoas subirem no presbitério, subindo no altar. É esta a expressão pura da fé que vai tocando as pessoas”, ressaltou pe Dirson.

O coordenador destaca que os Redentoristas devem continuar seu trabalho acolhendo o povo de Deus, fazendo as bênçãos,  devolvendo para o povo o que já e deles: as bênçãos de Deus.  “As pessoas já vem tão quebradas, tão cheias de dificuldades, e daí  chegam aqui e encontram um padre que não dá atenção, que não respeita a devoção”, finalizou.

O próximo encontro será realizado no período de 13 a 16 de setembro de 2018, em Belo Horizonte/MG, com participação de leigos (dois de cada unidade) e procurando envolver mais confrades que trabalham nos santuários. Na ocasião serão convidados também confrades do Suriname. O encontro terá como tema: “Contemplar o ícone do Amor, sendo solidários para a missão no mundo ferido” e  lema: “Da devoção à ação”.

Link permanente para este artigo: http://www.redentoristasfortaleza.org.br/nota/781

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>